Usado e ousado em Deus


“Porque Deus não nos tem dado espírito de covardia, mas de poder, de amor e de moderação.” (2Tm 1.7.)

Antes de sermos usados por Deus, precisamos ser ousados e não temer aos homens.
“Porventura, procuro eu, agora, o favor dos homens ou o de Deus? Ou procuro agradar a homens? Se agradasse ainda a homens, não seria servo de Cristo.” (Gl 1.10.)
Ser ousado é ir além do esperado, é não se conformar com este século; é fazer algo que normalmente não faríamos. É ampliar nossa visão e conquistar fronteiras.
Antes de sermos usados precisamos ser moldados como o barro nas mãos do oleiro. É sermos lapidados como os diamantes, afim de mostrar o brilho que está escondido nele; desvendar a beleza que ninguém vê, mas que precisa ser lapidada para que seu brilho seja notório.
E depois de lapidados seremos ousados, o que nos levará a fazer o que nunca fizemos e a viver o que nunca imaginamos viver.
Ser ousado é ser obediente. Ser ousado é saber esperar no Senhor e também saber dizer “não” às coisas deste mundo. Ser ousado é ser um revolucionário que marca não só esta geração, mas a geração seguinte. Ser ousado é ser testemunho vivo e santo do poder de Deus.
Então, não se contente em ser apenas usado. Seja ousado. Arrisque-se com Deus e faça o que você foi chamado para fazer.

“Sonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração; prova-me, e conhece os meus pensamentos; vê se há em mim algum caminho mau, e guia-me pelo caminho eterno.” (Salmo 139.23.24.)

::Por Jaqueline Santos Sales

2 comentários sobre “Usado e ousado em Deus

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s